Como Foi Ir A Praia Com Um Bebê de 4 Meses

praiaquadradaOies!!! Como teve gente perguntando, vim aqui contar como foi viajar para a praia com uma bebê de 4 meses.
Assim que a médica liberou, corremos para a praia para aproveitar o últimos dias de verão e estreiar de verdade os passeios da Sarinha. rsrs

A viagem foi só um final de semana, e para fazer a mala levaram 2 dias também (a dela é claro, a minha ficou pronta em 5 minutos), um mega receio de acabar esquecendo alguma coisa importante para a bebê.
Mas para ela não faltou nada, já a mãe esqueceu óculos escuro, saída de praia, hidratante… rsrs

Malinha da Sara:
– Fraldas (para evitar problemas, levei um pacote fechado com 28 unidades).
– Roupinhas de calor, de muito calor e de frio (vai que esfria né?), mas ela ficou praticamente a viagem inteira só de fralda porque estava bem quente.
– Biquini <3
– Chapéu
– Fraldas de pano e paninhos de boca.
– Manta leve para o caso de esfriar
– Brinquedinhos (fáceis de lavar e tirar qualquer vestígio de areia).
– Produtos de higiene.
– Adtil, Salsep e pomada para picada de mosquitos (receitados pela pediatra).
– Banheira (levei a que ela usa normalmente pois não tenho a banheira inflável, o que teria aliviado bastante o volume de coisas no porta malas).
– Carrinho de passeio.
Piscina inflável

A intenção era ir na sexta a noite, mas acabou ficando tarde e a Sara já estava dormindo, então achamos melhor ir no dia seguinte. Ela dormiria durante a viagem, mas rolou um receio dela acordar quando chegasse lá e achasse que era hora de ficar acordada. rsrs

Saímos no sábado cedinho e chegamos lá pra tomar café da manhã com o casal de amigos que já estavam nos esperando. Comemos, organizamos as coisas e fomos para a praia.
A sacola de praia parecia uma mala de viagem de tanta coisa dentro, mas pelo menos não senti falta de nada. rsrs

Chegando na praia, estendi a esteira embaixo do guarda-sol e coloquei a Sara deitadinha só de fralda (estava bem quente), o marido inflou a piscina e foi atrás de água doce pra enche-la.
Acabei não comprando a fralda a prova d’água, mas talvez fosse útil para não precisar troca-la a cada entrada na água.
A primeira entrada na piscina coloquei o biquini (ela ficou um arraso de biquini… rsrs) por cima da fralda, o que não foi uma boa ideia. Quando a tirei da água, a fralda estava enormeee, óbvio que teria que troca-la depois, então seria mais fácil ter colocado ela só de biquini na piscina mesmo.
A princípio achei que seria uma super dor de cabeça, mas foi bem tranquilo trocar a fralda deitada na esteira, é só abstrair a areia que inevitavelmente voa pra lá e pra cá.
Como ainda não uso toalhinhas umedecidas na Sara, levei uma garrafinha de água para fazer a troca com algodão e funcionou super bem.

praia03

Como protetor solar só é permitido a partir de 6 meses, ficamos alterando entre deixar ela deitada/sentada na esteira e na piscina pra refrescar, sempre debaixo do guarda sol. Mas confesso que demos uma estrapolada de tempo na praia, a pediatra falou pra maneirar e ficar só um pouco, que ela não me ouça, mas a criança ficou toda vermelhinha por conta do mormaço. E o meu coração ficou pequenininho, morrendo de dó depois!
Então mamães, atenção não apenas ao horário da exposição ao sol, mas também ao tempo de exposição (mesmo na sombra). A pele deles são muito delicadas e realmente precisa de um cuidado especial.

Outra questão foi a amamentação, a Sara mama em livre demanda, então o peitinho precisava estar disponível para ela quando necessário, que por sinal foi muito mais requisitado por conta do calor.
Evitei entrar no mar, mas pra agradar e curtir um pouco com o marido (que também merece atenção) entrei uma vez e antes de dar de mamar, lavei o peito com água doce para limpar e tirar a areia/sal.
A escolha do maiô (sim, maiô porque não rolou clima pra biquini com essa barriga, falamos mais sobre o assunto em outro post) foi também em função da facilidade para amamentar, não queria ter a maior trabalheira pra colocar o peito pra fora, mas também não queria um maio que me deixava semi nua para isso também. rsrs
E a Sarinha, apenas para não dizer que não entrou no mar, em um dos dias quando já estávamos nos preparando para ir para o apartamento, molhamos o pézinho dela na água do mar, confesso que sou meio agoniada e só molhei um pouquinho e porque sabia que ali do lado tinha uma ducha para já lavar o pézinho com água doce depois. rsrs

praia04

Na primeira noite, conseguimos manter a rotininha dela de banho, mamada e soninho a noite. Na noite seguinte saímos para jantar fora, então deu uma bagunçada na rotina, mas a Sara super curtiu o passeio, dormiu no carrinho uma parte dele, depois dançou e riu um monte junto com a gente. Foi bem gostoso!! Chegando no apartamento, mamou e dormiu tranquilamente.
Outra coisa que ainda não temos é um berço desmontável (pra quem viaja bastante é bacana), como no quarto tinha espaço colocamos um colchão de solteiro no chão, rodeado de travesseiros para ela dormir mais segura.

Enfim, foi uma viagenzinha rápida e simples, mas uma delícia e com certeza vai ficar guardada para sempre. Primeira viagem com nosso pacotinho, primeira viagem como família… Ansiosa para as próximas!!!

Gostou? Compartilhe!!